Investigação da PF comprova que eleições precisam de mais segurança (veja o vídeo)

 


A live de ontem do Presidente Bolsonaro com o deputado Filipe Barros foi um duro e desmoralizante golpe na soberba de ministros do STF e do presidente do TSE.


Foi mostrado que um hacker invadiu durante 6 meses o sistema do TSE, tendo acesso à documentos sigilosos, senhas e até mesmo ao código-fonte da Urna Eletrônica.



 

E o pior de tudo, o TSE nem sabia que estava sendo invadido. A Ministra Rosa Weber, então presidente, só tomou conhecimento após o site de Tecnologia publicar uma matéria com o hacker que fez a invasão onde ele divulgava os arquivos roubados da rede do TSE.


É um absurdo que ministros venham agora usar seu poder para constranger, humilhar e perseguir brasileiros que peçam mais segurança nas eleições através do voto impresso e da contagem pública de votos.


Assista o vídeo: