Bolsonaro aponta irregularidade em contrato milionário no Banco do Nordeste, e diretoria deve "ir para o olho da rua" (veja o vídeo)

 


O presidente nacional do PL (Partido Liberal), Valdemar Costa Neto, pediu ao ministro da Casa Civil, Ciro Nogueira, e à ministra da Secretaria Geral de Governo, Flávia Arruda, a demissão do presidente do Banco do Nordeste, Romildo Carneiro Rolim.


A solicitação, além de encaminhada formalmente, foi anunciada em um vídeo publicado por Costa Neto, nas redes sociais.



ALIVIA AI

A dor na articulação irá embora para sempre! Leia aqui

APRENDA MAIS

Ele alega que a decisão partiu após ter recebido uma mensagem do presidente Jair Bolsonaro, questionando possíveis irregularidades em um contrato realizado entre o banco e uma ONG, em valores que podem chegar a R$ 600 milhões por ano.


Além do presidente, toda a diretoria do Banco do Nordeste, que também deve ser demitida, foi indicada pelo PL.


Este é mais um exemplo de que Bolsonaro está cumprindo a promessa de investigar, combater e punir todo e qualquer indício de corrupção que possa surgir em seu governo.


Veja o vídeo: