Câmara finalmente se impõe, dá cargo importante a Daniel Silveira e demonstra autonomia


Enfim, a Câmara dos Deputados resolveu dar uma demonstração de que pretende que sua autonomia seja respeitada pelos demais poderes, notadamente pelo Poder Judiciário, através do Supremo Tribunal Federal (STF).

Isso se traduz com a condução do deputado Daniel Silveira para o cargo de membro titular da Comissão de Constituição e Justiça, a mais importante da casa.

De quebra, o deputado também irá compor a Comissão de Segurança Pública, onde será o vice-presidente.

Com isso, os deputados também demonstram aprovação ao indulto concedido pelo presidente Jair Bolsonaro ao parlamentar, recentemente condenado pelo STF.

Nesse sentido, o advogado Paulo Faria, que defende Daniel, deu uma verdadeira aula de direito durante sua participação no programa Direto ao Ponto, comandado pelo jornalista Augusto Nunes.

 “O indulto concedido devolveu todos os direitos. Não se pode mais dizer que Daniel Silveira é um condenado por penas restritivas de liberdade. Não se pode mais dizer que ele está devendo multas exorbitantes que superam os 200 mil reais”, afirmou

O advogado condenou também a ‘celebrização’ de juízes e asseverou que o Supremo Tribunal Federal é hoje uma corte política.

Você pode ter resultados ou desculpas, mas não os dois. ��
© Política Online Brasil. Todos os direitos reservados. Premium By Jago Themes