Ticker

6/recent/ticker-posts

Moro pede a Guedes para gravar vídeo em apoio à sua campanha, mas economista recusa convite


O ex-juiz federal e ex-ministro da Justiça do Governo Bolsonaro, Sérgio Moro, pediu ao Ministro da Economia, Paulo Guedes, que gravasse um vídeo em apoio à sua campanha ao Senado.

Apesar de aliados de Jair Bolsonaro (PL) terem comentado de que o pedido poderia significar uma aproximação do magistrado ao Planalto, o economista recusou a oferta porque, no início de 2020, quando a disseminação da Covid-19 estava no princípio, Moro saiu do Governo enfurecido depois que o presidente se recusou a indicá-lo à vaga no Supremo. 

Naquela época, ele fez acusações infundadas sobre Bolsonaro, alegando que o chefe do Executivo Nacional pressionava para ter mais ingerência na Polícia Federal e argumentou que uma reunião ministerial comprovava isso. 

O vídeo do encontro veio à público e a própria Polícia Federal investigou o caso e constatou que não havia "indícios mínimos" para a afirmação do ex-juiz e que o presidente cobrava apenas medidas mais eficazes para descobrir quem eram os mandantes da tentativa de assassinato contra ele em 2018.