Ticker

6/recent/ticker-posts

Dos 60 nomes escolhidos para a equipe de transição de Lula, 18 são condenados ou suspeitos de corrupção


A equipe do presidente eleito segundo apuração do TSE, Luiz Inácio Lula da Silva (PT) tem 60 pessoas escaladas para fazer a transição de governo; sendo que 18 destas já são conhecidas pela polícia e Justiça. É que ou foram réus ou são suspeitos de crimes de corrupção.

Guido Mantega, ex-ministro da Fazenda; Paulo Bernardo, ex-marido de Gleisi Hoffmannn; Paulo Okamotto, ex-presidente do Instituto Lula; André Ceciliano, ex-presidente da Assembleia Legislativa do Rio; Geraldo Alckmin, ex-governador de SP; Gleisi Hoffmann Aloízio Mercadante; Renan Calheiros; Humberto Costa e muitos outros.

Aos poucos, o Brasil vai voltando ao "normal".