Ticker

6/recent/ticker-posts

Ministério da Defesa volta a levantar suspeitas sobre fraude na eleição

Um dia depois de divulgar o relatório das Forças Armadas sobre a inspeção das urnas eletrônicas que não indicou fraude no processo eleitoral brasileiro, o Ministério da Defesa veio a público para dizer que não foi bem assim.

Segundo nota divulgada pela pasta do ministro Paulo Sérgio Nogueira, o trabalho não excluiu a “possibilidade da existência de fraude ou inconsistência nas urnas”. O relatório de 65 páginas, contudo, indica suspeitas de possíveis falhas de segurança, mas não aponta qualquer indício de manipulação dos sistemas a ponto de colocar em dúvida o resultado das eleições deste ano.

“O acurado trabalho da equipe de técnicos militares na fiscalização do sistema eletrônico de votação, embora não tenha apontado, também não excluiu a possibilidade da existência de fraude ou inconsistência nas urnas eletrônicas e no processo eleitoral de 2022”, diz a nota.

“Em consequência dessas constatações e de outros óbices elencados no relatório, não é possível assegurar que os programas que foram executados nas urnas eletrônicas estão livres de inserções maliciosas que alterem o seu funcionamento.”

Participe do nosso grupo no telegram:

CLIQUE AQUI