Ticker

6/recent/ticker-posts

“Insubordinação inadmissível”, diz Gleisi sobre comandante do Exército demitido


A deputada federal e presidente nacional do PT, Gleisi Hoffman, usou as redes sociais para elogiar a ação do presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) ao trocar o comandante do Exército do Brasil. O chefe do Executivo realizou a mudança neste sábado (21/1).

Segundo a parlamentar, o ex-comandante Júlio César de Arruda apresentou “insubordinação inadmissível perante ameaças à democracia e de partidarização da Força”. A troca do comando acontece um dia após reportagem do colunista Rodrigo Rangel, do Metrópoles, revelar que o ex-ajudante de ordens de Jair Bolsonaro (PL), tenente-coronel Mauro Cid, operou uma espécie de caixa 2 com recursos em espécie que eram usados, inclusive, para pagar contas pessoais da primeira-dama Michelle Bolsonaro e de familiares dela.

Continue lendo