Ticker

6/recent/ticker-posts

Na Paraíba, deputada do PT é expulsa de escola em evento comemorativo ao dia da mulher (veja o vídeo)


A deputada estadual da paraíba, Estela Bezerra (PT), acabou enxotada pela diretora e pelas professoras da escola estadual professor Olívio Pint, no bairro Valentina de Figueiredo, em João Pessoa, durante evento de comemoração ao Dia da Mulher, nesta terça-feira (8).

Um vídeo que já viraliza nas redes mostra o momento em que a parlamentar pega o microfone, contra a vontade dos presentes, e reclama do fato de ter sido ‘desconvidada’ pela direção da escola, um dia antes do evento:

“Tá bem desconfortável aqui diretora, foi muito ruim, eu estava na minha sessão e vim pra cá porque quero dizer a vocês que fui convidada e fui desconvidada ontem a noite pela diretora. E é uma coisa deselegante. Aqui não existe uma briga não, aqui existe várias pessoas que pensam a mesma coisa, pensam que o Dia Internacional da Mulher é um dia para ser celebrado”, diz a petista, enquanto a diretora tenta pegar o microfone de volta.

 A parlamentar, então passa a ouvir o protesto das professoras e caminha para o canto da quadra, insistindo em falar.


Segundo informações da imprensa local, a deputada foi convidada a se retirar em seguida.


Acusada de corrupção


Estela Bezerra chegou a ser presa em 2019 (junto com mais de 17 pessoas, entre elas o ex-governador da Paraíba, Ricardo Coutinho-PT), durante investigações da sétima etapa da Operação Calvário, deflagrada pela Polícia Federal, que apura desvio de R$ 134,2 milhões de recursos públicos destinados a serviços de saúde no estado.


A deputada, então filiada do PSB, acabou solta, após votação secreta no plenário da Assembleia Legislativa da Paraíba, em sessão extraordinária, mas ainda é réu no processo que corre em segredo de justiça.




O Nordeste, enfim, acordou e não dá mais voz para os esquerdopatas!