Bolsonaro garante: “Indulto a Daniel Silveira será cumprido”

Nesta segunda-feira (25), o presidente Jair Bolsonaro discursou durante a abertura da 27ª Agrishow, em Ribeirão Preto (SP).

Sem meias palavras, Bolsonaro disparou:

"Como há alguma especulação por aí, não vou entrar em detalhes, mas o decreto da graça e do indulto [ao Daniel Silveira] é constitucional e será cumprido.”

E prosseguiu:

“No passado, soltavam bandidos e ninguém falava nada, hoje eu solto inocentes.”

O presidente comentou a respeito do julgamento do Supremo Tribunal Federal (STF) sobre a utilização do marco temporal na demarcação de terras indígenas.

O julgamento vai decidir se indígenas têm direito somente às terras que ocupavam na data da promulgação da Constituição, 5 de outubro de 1988.

Bolsonaro subiu o tom ao criticar o ministro Fachin, relator da ação:

“Ou entrego a chave para o Supremo, ou não vou cumprir. Eu não tenho alternativa”, disse.

O presidente disse mais:

“Se eles [ministros do STF] querem alguma coisa, acham que podem fazer melhor, que se candidatem. Que sejam a chamada terceira via”.

Tags