Ticker

6/recent/ticker-posts

Lula deixa escapar história "estranha" do passado


Mais uma gafe!

Ainda sem entender que nada é mais mascarado, Lula continua propagando suas narrativas, dias após dia.

É só tiro no pé.

Recentemente, o petista relembrou a nacionalização da exploração de petróleo e gás pela Bolívia em 2006. À época, o então presidente boliviano Evo Morales invadiu com tropas as refinarias da Petrobras naquele país.

Lula, que era o presidente brasileiro, reconheceu a nacionalização das instalações brasileiras na Bolívia.

“O gás era dele. A Petrobras era muito petulante”, afirmou Lula. 

“Facilitamos para que a Bolívia voltasse a ser dona do seu gás”, acrescentou o petista. 

Ao trazer o tema à tona, Lula lembrou que foi criticado:

“Nós resolvemos tratar o Evo com muito respeito. Muita gente no Brasil dizia ‘o Lula está sendo frouxo’. Fazer o que, gente. 

Facilitamos para a Bolívia voltar a ser dona do seu gás e pagasse o que devia ao Brasil”.

Porém, Lula omite que o Brasil nunca pediu para que as reservas de gás bolivianas fossem tomadas. O problema é que Morales invadiu e usurpou uma refinaria da Petrobras com bilhões de dólares em equipamentos comprado com dinheiro dos impostos dos brasileiros. Do jeito simplista que Lula fala parece que a Petrobras ‘cismou’ em explorar gás boliviano e lá foi.

O buraco é bem mais embaixo – antes de uma incursão internacional a Petrobras faz estudos geológicos e de viabilidade, além do que é necessário uma licitação e um contrato de mais de 50 paginas, visto e revisto por dezenas de advogados, tanto brasileiros quanto bolivianos.

Lula ainda relatou pedidos de dinheiro do então líder boliviano:

“Eu vim buscar plata [dinheiro]”.

Buscar dinheiro? Porque? Será que Lula tinha alguma dívida com Morales?

Algo inacreditável!