Ticker

6/recent/ticker-posts

Para não prestar continência a Lula, comandante da Marinha quebra tradição das Forças Armadas


Almir Santos Garnier, comandante da Marinha, quebrará o protocolo das Forças Armadas e não comparecerá à posse de seu sucessor, Marcos Sampaio Olsen, no dia 5 de janeiro, para não prestar continência ao presidente diplomado pelo TSE, Lula (PT). A informação é do site UOL.

A cerimônia foi cancelada pela primeira vez na história das Forças Armadas.

Olsen assumirá o cargo sem o ato de transmissão e sem a presença do antecessor. A cerimônia de transferência de cargo é um dos momentos mais importantes na vida de militares que atingem as altas posições de comando.