Ticker

6/recent/ticker-posts

Mandado de Prisão contra Moraes foi inserido no sistema com credencial do CNJ

Apuração preliminar identificou que a inclusão de documento no Banco Nacional de Monitoramento de Prisões foi inserida no sistema através de credencial do próprio Conselho Nacional de Justiça (CNJ) e não de algum tribunal externo.

O Banco Nacional de Monitoramento de Prisões (BNMP 2.0) é um sistema eletrônico que auxilia as autoridades judiciárias da justiça criminal na gestão de documentos atinentes às ordens de prisão/internação e soltura expedidas em todo o território nacional, materializando um Cadastro Nacional de Presos e é abastecido por todos os Tribunais de Justiça do país.

A credencial de um servidor do órgão foi utilizada para invadir o sistema e fazer graça com o ministro Alexandre de Moraes incluindo um mandado de prisão expedido por ele mesmo, contra ele mesmo.

A “síntese da decisão” é repleta de ironias à atuação do ministro Alexandre de Moraes, do STF, evidenciando a invasão ao sistema por hackers.