Ticker

6/recent/ticker-posts

Quebras de sigilos, determinadas por Moraes, visam atingir núcleo do governo Bolsonaro


O ministro Alexandre de Moraes autorizou uma quebra de sigilos de dados e telefônicos que amplia o poder de investigação da Polícia Federal. A ordem faz parte das investigações de apoiadores do ex-presidente Jair Bolsonaro em manifestações contrárias a Lula (PT). O objetivo é encontrar os organizadores das manifestações, segundo informação foi divulgada pelo site Metrópoles.

Moraes quer chegar ao “núcleo” que supostamente organizou os acampamentos e as manifestações, apesar de todos os manifestantes garantirem, por diversas vezes, que foram espontaneamente e sem patrocínios.

A ordem foi assinada no dia 12 de dezembro e mira oito apoiadores de Bolsonaro e determina, inclusive, a quebra de sigilos de todas as pessoas que mantiveram contato com esses investigados, o que aumenta consideravelmente o número de alvos do magistrado.