Lula diz que é a pessoa que mais acredita em Deus no mundo

Caio Tomahawk


Lula na CONAE 2024: Críticas a Bolsonaro e Posicionamento sobre Educação e Valores Morais


Nesta terça-feira, o presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) marcou presença na Conferência Nacional de Educação (CONAE) de 2024, realizada na Universidade de Brasília (UnB). Durante o evento, abordou diversas questões, destacando as prioridades do governo e, em parte de seu discurso, fez críticas ao ex-presidente Jair Bolsonaro (PL), enfatizando a importância da democracia e alertando sobre o crescimento da "extrema-direita" no mundo, associando-o à disseminação de desinformação nas redes sociais.


Em uma passagem contundente, Lula afirmou que Bolsonaro "não sabe nem soletrar a palavra democracia", reforçando um tom crítico em relação ao seu antecessor. Além disso, expressou sua preocupação com o crescimento da "extrema-direita", atribuindo esse fenômeno à propagação de mentiras nas redes sociais.


No âmbito educacional, Lula abordou temas sensíveis, como homeschooling, escolas cívico-militares e denúncias relacionadas a materiais didáticos que abordam ideologia de gênero e a implementação de banheiros neutros. Suas críticas foram direcionadas a essas abordagens, e ele expressou sua posição em defesa de um modelo educacional que contemple uma visão mais abrangente.


Ainda no discurso, Lula criticou a instrumentalização da espiritualidade para fins políticos, declarando que a direita "usa a espiritualidade e a boa-fé do nosso povo para fazer política". Em um momento de autoreflexão, o presidente afirmou ser a pessoa que mais acredita em Deus no mundo, compartilhando uma história pessoal marcante.


Ele contextualizou sua fé, rememorando suas origens humildes em Caetés, Pernambuco, onde sua mãe, enfrentando dificuldades, buscou uma vida melhor para seus filhos em São Paulo. Lula ressaltou a coragem dela em se separar do marido e criar seus filhos em meio a adversidades. O presidente sublinhou que, mesmo nos dias mais difíceis, sua mãe mantinha a esperança, afirmando: "Hoje não tem, mas amanhã vai ter". Ele comparou essa luta à conquista da democracia no Brasil.


O discurso de Lula na CONAE 2024 abordou questões cruciais, conectando sua trajetória pessoal com suas convicções políticas e valores morais. As críticas a Bolsonaro, as posições sobre educação e a afirmação sobre sua fé destacam-se como elementos marcantes deste pronunciamento no contexto da conferência.

#buttons=(Aceitar !) #days=(20)

Our website uses cookies to enhance your experience. Saiba Mais
Accept !