PT quer acionar Justiça e impedir que Deltan use Fundo Eleitoral

Caio Tomahawk


Disputa Política em Curitiba: PT Busca Impedir Uso do Fundo Eleitoral por Deltan Dallagnol

A arena política em Curitiba se aquece à medida que o Partido dos Trabalhadores (PT) e outros opositores políticos do ex-deputado federal Deltan Dallagnol, do Partido Novo, intensificam seus esforços para barrar sua possível candidatura a prefeito da cidade. Nessa batalha jurídica, o PT anuncia sua intenção de recorrer à Justiça para impedir que Dallagnol utilize o Fundo Eleitoral em sua empreitada política.

De acordo com informações do colunista Lauro Jardim, do Jornal O Globo, os adversários políticos de Dallagnol argumentam que ele está inelegível, sustentando que o ex-procurador da Lava Jato estaria tentando contornar a decisão da Justiça. A inelegibilidade, segundo eles, é clara na decisão do Tribunal Superior Eleitoral (TSE).

O advogado do diretório paranaense do PT, Luiz Eduardo Peccinin, destaca a convicção de que Deltan está inelegível e enfatiza que não há margem para dúvidas quanto a essa condição. Ele ressalta que, se Dallagnol registrar sua candidatura, enfrentará obstáculos tanto no acesso ao Fundo Eleitoral quanto na possibilidade de ter sua candidatura cassada novamente. Peccinin classifica a estratégia de Deltan como "afrontosa com a Justiça e desrespeitosa com seus eleitores", argumentando que estão sendo induzidos ao erro e correm o risco de perder seu voto mais uma vez.

Enquanto isso, Deltan Dallagnol e o Partido Novo focam na corrida pela prefeitura de Curitiba, mantendo a esperança de que a Justiça Eleitoral não o considere inelegível, mesmo após a cassação de seu mandato por violação da Lei da Ficha Limpa.

Continue lendo 

#buttons=(Aceitar !) #days=(20)

Our website uses cookies to enhance your experience. Saiba Mais
Accept !