Ticker

6/recent/ticker-posts

Justiça do RJ aceita queixa-crime de Adnet contra Eustáquio


A Justiça do Rio de Janeiro aceitou uma queixa-crime apresentada por Marcelo Adnet contra o jornalista conservador Oswaldo Eustáquio por difamação. A informação foi obtida e divulgada pelo colunista Lauro Jardim, do jornal O Globo.

O humorista acusa Eustáquio de associá-lo à denúncia de assédio sexual feita por Dani Calabresa contra o também humorista Marcius Melhem. Calabresa já foi casada com Adnet.

De acordo com a ação, Eustáquio teria feito as insinuações por meio de sua conta no Twitter. Guilherme Furniel, advogado de Adnet, pede que seja fixada uma indenização por danos morais, além da condenação a até dois anos de detenção.

Nenhuma das partes se pronunciou sobre o assunto até o momento.